Home > Notícias > Conselho alerta sobre falsa/os psicólogas/os

Conselho alerta sobre falsa/os psicólogas/os

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Caso de mulher que se passava por profissional de Psicologia repercutiu em todo estado

Na última semana, Sheila Araújo Guimarães foi presa por se passar por psicóloga, na cidade de Amargosa, recôncavo baiano. De acordo com a polícia, a suspeita realizava atendimento particular na cidade desde 2013. Ela também utilizava carimbos falsos e prescrevia medicamentos controlados para as/os pacientes.

Segundo outras informações da polícia, um mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa e no consultório da falsa psicóloga, onde foram encontrados receituários e carimbos.  Sheila vai responder por exercício ilegal da profissão.

O Conselho Regional de Psicologia da Bahia – CRP-03 orienta a sociedade a verificar se um/a psicólogo/a encontra-se devidamente inscrita/o na Autarquia para exercer legalmente as suas atividades. Para tanto, basta acessar o site www.cfp.org.br e clicar em: Serviços – Cadastro Nacional de Psicólogas/os – Público em Geral. Qualquer pessoa pode realizar uma busca com o nome completo ou número de inscrição da/o profissional no CRP para comprovar se a/o mesmo está habilitado para realizar as suas funções com inscrição ativa no órgão.

Para se inscrever no Conselho de Psicologia, a/o egresso do curso de Bacharelado com Formação de Psicóloga/o (curso presencial de 5 anos, reconhecido pelo MEC) deve apresentar seu Diploma e/ou Certificado de Colação de Grau juntamente com demais documentos pessoais (RG, CPF, Título de Eleitor, comprovante de residência, 2 fotos 3×4 e Título de Reservista para homens) e ter sua inscrição aprovada em reunião Plenária.

Na oportunidade, esclarecemos que psicólogas/os não prescrevem medicações, florais, chás ou qualquer tipo de substância e reforçamos que a sociedade deve informar ao Conselho caso tenha conhecimento de irregularidades ou ilegalidades do exercício da profissão de psicóloga/o.