/home/crp03/public_html/wp-content/themes/crp-03/single.php
Início  →  Notícias  →  Conselho defende enfrentamento ao racismo

Conselho defende enfrentamento ao racismo

Ontem, 21 de março, foi lembrado o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, data criada pela Organização das Nações Unidas (ONU), em referência ao Massacre de Sharpeville. 

Era 21 de março de 1960, na África do Sul, quando 20 mil negros protestavam contra uma lei que limitava os lugares por onde eles podiam circular. 69 pessoas morreram e outras 186 ficaram feridas, durante uma manifestação era pacífica, na qual tropas do Exército atiraram contra a multidão.  

No Brasil, o racismo é uma problemática estrutural e estruturante que impacta diretamente no bem viver da população negra e indígena – exposta a uma série de violências e negações. 

Neste sentido, o Conselho Regional de Psicologia da Bahia (CRP-03) reitera a importância de uma atuação contínua da/o psicóloga/o no enfrentamento ao racismo e na promoção da igualdade, como consta na Resolução do Conselho Federal de Psicologia N.º 18/2002, que define que psicólogas/os atuarão segundo os princípios éticos da profissão contribuindo com o seu conhecimento para uma reflexão sobre o preconceito e para a eliminação do racismo. 

É fundamental que todas/os as/os profissionais conheçam o documento “Relações Raciais: Referências Técnicas para atuação de psicólogas/os”, disponível no site no link: https://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/2017/09/relacoes_raciais_baixa.pdf 

Faça parte dos nossos grupos de Psicologia e Relações Raciais. Entre em contato conosco pelo e-mail comdh@crp03.org.br . Os grupos são abertos a todas/os que desejam participar. Neste momento de pandemia as reuniões estão sendo on-line.

ESTRATÉGIA DE BUSCA

Para a data, a Biblioteca do CRP-03 compartilha estratégia de busca com resultados no REFNET.

Baixe aqui.

Dicas de leitura.