Home > Notícias > Conselho Itinerante da região Extremo Sul inicia em Eunápolis

Conselho Itinerante da região Extremo Sul inicia em Eunápolis

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Atividades aconteceram nos dias 24 e 25 de setembro

A cidade de Eunápolis foi o ponto inicial do Conselho Itinerante da região Extremo Sul que acontece até o final da semana. As atividades foram realizadas nos dias 24 e 25 de setembro, na Câmara de Vereadores e no Sindicato de produtores rurais. O evento traz a proposta de aproximar o Conselho Regional de Psicologia da Bahia (CRP-03), da categoria que reside e atua no interior do estado com ações voltadas para as/os profissionais da região.

A abertura da atividade ficou por conta da conselheira presidenta do CRP-03 Alessandra Almeida. A psicóloga pontuou a respeito da importância de atentar para uma atuação ética que promova os direitos humanos, atenta às questões de gênero e raça. Também na abertura, Maryleen Lacerda, coordenadora do GTI Eunápolis chamou atenção para a necessidade de fazer articulações conjuntas a fim de diminuir a violência contra as mulheres, tema bastante demandando pela categoria na região.

Por conta disso, o CRP-03 levou discussões sobre promoção de direitos humanos para mulheres com enfoque na violência e promoveu uma oficina sobre notificação compulsória. De acordo com a conselheira e integrante do Grupo de Trabalho Relações de Gênero e Psicologia, Darlane Andrade, o debate desses temas é imprescindível para a Psicologia e outras profissões para que cumpram com a normativa que prevê a notificação compulsória em situações de violência. “Compreender o fenômeno do ponto de vista de gênero em intersecção com raça, sexualidades, e outros marcadores sociais, auxilia a identificar as situações de violência, das mais sutis às mais gritantes, e também a colabora para construção de políticas públicas. A região de Eunápolis ainda apresenta poucos casos notificados de violência e isso dificulta a implementação de políticas na área.”, pontuou. Além disso, profissionais e estudantes puderam tirar dúvidas na oficina promovida pela Comissão de Orientação e Fiscalização (COF), sobre Elaboração de documentos psicológicos.

Representantes de diversas instituições da região também participaram do evento, a exemplo da OAB, Polícia Militar, Movimento Feminista, Vigilância Epidemiológica, Conselho Municipal da Mulher, Hospital Regional e  Creas.

O conselho Itinerante segue agora para as cidades de Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Confira a programação no site.